notíciasdafundação

28/08/2016 | notícia

Fundação Iberê Camargo reduz atendimento ao público visando reposicionamento

Visando a concluir os estudos de reposicionamento e a consequente reestruturação de suas operações, a Fundação Iberê Camargo reduzirá temporariamente seu atendimento ao público a partir de 30 de agosto, para as sextas e sábados, das 13 às 18h.

Após 20 anos de funcionamento ininterrupto ao público, a Fundação Iberê Camargo transformou-se em uma instituição de reconhecimento nacional e internacional. Entretanto, é hora de se reajustar aos desafios atuais e futuros, inclusive no modelo de captação de patrocínios.

Mesmo tendo construído uma trajetória de sucesso, a Fundação Iberê Camargo tem que acompanhar a dinâmica e os anseios do público visitante e de seus patrocinadores, a fim de assegurar um futuro ainda mais sustentável.

Enquanto reavalia seu modelo, a redução estratégica funcionará como forma de diminuir os custos da Fundação que, como boa parte das organizações culturais sem fins lucrativos – cujas receitas são baseadas apenas em patrocínios espontâneos ou incentivados –, foi afetada drasticamente pela dura realidade econômica brasileira e gaúcha.

Mesmo com a redução temporária das visitas às salas expositivas, a FIC manterá seu trabalho interno de preservação do acervo de mais de 4.000 obras de Iberê Camargo e mais de 20.000 documentos, além de dar seguimento ao planejamento das próximas exposições, programas e atividades.

Com o objetivo de implementar um novo modelo de financiamento e gestão, desde o início do ano a Fundação Iberê Camargo vem trabalhando na revisão do seu posicionamento para garantir sua sustentabilidade de longo prazo. Esse estudo visa, ainda, continuar alinhando a Fundação com os grandes museus do mundo, porém buscando uma atuação mais afinada com os novos interesses do público nacional e do Rio Grande do Sul.

Ao tomar essa decisão de forma estratégica e planejada, a FIC reafirma o seu compromisso com a comunidade e com o legado de Iberê Camargo, com a convicção de que essa medida temporária trará ganhos permanentes.